Localização

Políticas de Humanização do HCM

O Hospital da Criança e Maternidade, desde sua inauguração participa da Rede Humaniza SUS, criada em 2003 pelo Ministério da Saúde que, entre outras atribuições, dissemina a Política Nacional de Humanização Hospitalar.

Repercussão no HCM:
    • Promove a revisão de processos de trabalho, posturas e políticas de atendimento do hospital;
    • Socializa as informações sobre os direitos da gestante, criança e adolescente,
    • Cria transparência e confiabilidade no atendimento dos profissionais de saúde com a presença
       dos responsáveis e familiares
    • Oferece uma assistência digna e de qualidade dentro da visão integral do cuidado em saúde.

Principais Ações de Humanização:
    • Acolhimento com classificação de risco;
    • Grupo de Acolhimento e Orientação com equipe multiprofissional aos pais ou responsáveis das
       crianças internadas nas UTIs Neonatal, Cardiológica e Pediátrica;
    • Grupo de voluntários;
    • Grupos de entretenimento;
    • Informativo Social sobre direitos da criança e adolescente fundamentados no Estatuto da Criança
       e Adolescente (ECA);
    • Contadores de histórias;
    • Mãe canguru;
    • Brinquedoteca;
    • Visita ampliada nas UTIs Neonatal, Cardiológica e Pediátrica;
    • Escuta qualificada por meio do Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) e Fale Conosco (Site)
       para usuários, colaboradores e gestores.
    • Assegurar o direito de um acompanhante da escolha da parturiente durante o trabalho de parto,
       parto e pós parto, conforme Lei 11.108/04/2005;
    • Banco de coleta de leite humano.

Muitas dessas ações renderam ao HCM prêmios, reconhecimentos e certificações:
    • Melhor Maternidade do Estado de São Paulo com quesito Parto Humanizado