Localização

1º Simpósio de Medicina Perinatal do HCM supera expectativas e reúne mais de 230 profissionais de saúde, entre eles, referências nacionais em diagnóstico fetal e microcefalia

23/02/2016

O surto de casos de microcefalia associados à zika que atingiu o Brasil jogou luz sobre uma questão ainda maior - a importância do diagnóstico preciso e mais rápido da saúde dos fetos -, o que estimulou os setores de Obstetrícia e Medicina Fetal do Hospital da Criança e Maternidade a realizar no 1º Simpósio de Medicina Perinatal, nos dias 19 e 20 de fevereiro. O balanço do evento confirmou o quanto os profissionais do (HCM) estavam certo em promover o evento, com o apoio da Funfarme - Fundação Faculdade Regional de Medicina, da Famerp - Faculdade de Medicina de Rio Preto e em parceria com o Instituto de Medicina Reprodutiva e Fetal de Rio Preto e a Faculdade de Tecnologia em Saúde de Ribeirão Preto.

O Simpósio reuniu mais de 230 médicos e outros profissionais de saúde de todo o Brasil, público que superou as expectativas, fazendo com que fossem utilizados dois anfiteatros, no HCM e no Hospital de Base. Por meio de videoconferência, os participantes puderam acompanhar, em tempo real, palestras de alguns dos maiores expoentes do país em medicina perinatal, com enfoque nas novas técnicas e tecnologias no diagnóstico, avaliação correta da saúde do feto e rastreamento da prematuridade e de patologias e síndromes, em particular, a microcefalia.

Na abertura, o diretor-executivo da Funfarme, Dr. Horácio José Ramalho, destacou o oportuno momento em que é promovido o Simpósio. “A microcefalia ganhou importância midiática enorme e colabora para chamar a atenção da sociedade para a importância de realizarmos diagnóstico preciso e com maior antecedência possível não só desta e de outras patologias que acometem o feto. Como instituição referência na troca e disseminação do conhecimento, a Funfarme decidiu colaborar para isto, através deste simpósio.”

Gregório Lourenzo, doutor em tocoginecologia pela Universidade Estadual de Campinas, ressaltou a importância da avaliação do encurtamento do colo do útero nas primeiras 20 semanas de gestação, apontando-o como um dos principais sinais do parto prematuro espontâneo (quando não há problemas com a mãe ou o bebê), revelados em exame de ultrassonografia.  "Normalmente, quando o encurtamento é detectado, por meio do ultrassom, a gestante é submetida a um tratamento com progesterona, um hormônio que a mulher já produz naturalmente e que garante maior tempo de gestação. Vale lembrar que cada dia que o bebê passa no útero da mãe, aumenta em 1% o risco da criança não morrer no primeiro ano", afirmou Dr. Gregório Lourenzo.

Segundo o Ministério da Saúde, partos prematuros correspondem a 12% dos realizados na rede pública e são umas das principais causas de morte de recém-nascidos no país.

O Prof. Dr. Antonio Hélio Oliani, chefe do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da Famerp enfatiza a importância do acompanhamento mais frequente no início da gravidez, com maior quantidade de exames de ultrassonografia realizados. "Nós, obstetras, tendemos a intensificar os exames nos últimos meses de gravidez, quando o aconselhável é a maior frequência no início."

 

Vírus zika e o diagnóstico da microcefalia

O segundo dia do Simpósio apresentou as últimas novidades sobre o diagnóstico e tratamento do zika vírus, em mesa coordenada pelo médico virologista Maurício Lacerda Nogueira, professor da Famerp e que coordena pesquisa sobre o vírus zika para determinar qual é o risco relativo de ocorrência de microcefalia entre gestantes infectadas com o vírus em São José do Rio Preto. Um dos palestrantes foi tocoginecologista Manoel Sarno, professor adjunto e pesquisador da Universidade Federal da Bahia, que já examinou mais 80 crianças com microcefalia naquele Estado. Em 2014, foram registrados 180 casos de bebês que nasceram com microcefalia, no Brasil. Ano passado, foram mais de 4 mil.

Dr. Manoel Sarno fez questão de parabenizar a Funfarme/Famerp pela iniciativa de realizar o Simpósio. "É importante debatermos o assunto, já que o país passa por um surto da doença. Apesar de ser um tema novo para todos nós, avançamos bastante nesse último ano com as nossas pesquisas", ressaltou o médico. Em sua palestra, o médico da UFRB fez coro a Dra. Denise Oliani, responsável pelo Centro Interdepartamental de Medicina Fetal do HCM, enfatizando a se realizar exames a cada trimestre da gestação para diagnosticar o quanto antes a microcefalia ou outra anormalidade.

 

Participantes elogiam o Simpósio

Ao final de cada dia do evento, os participantes destacaram o alto nível das palestras e a oportuna troca de conhecimento. Médica residente do Centro Interdepartamental de Medicina Fetal do HCM e grávida de 9 meses, Dra. Maria Gabriela da Silva enalteceu a iniciativa da instituição. "Esse é o momento para nos atualizarmos sobre o tema. É o assunto do momento e eu, como médica e mãe, tenho interesse dobrado."

 


Mais Notícias

Profissionais do HCM enfeitam bebês da UTI Neonatal com fantasias no Dia das Crianças [+] HCM promove, em parceria com a Braile Biomédica, jantar de gala para comemorar aniversário de 50... [+] Pacientes do HCM divertem-se, mais uma vez, com oficina de massinha slime [+] Aula magna de técnicas de neuro modulação invasivas e não invasivas [+] Bazar solidário realizado por Paula Vaccari e Natália Toscano arrecada fundos para UTI Móvel do... [+] HCM promove oficina de slime e antecipa o Dia das Crianças de pacientes internados [+] Pacientes do HCM assistem a espetáculo do Circo Tihany no hospital [+] Senador Major Olímpio vem a Rio Preto e faz questão de visitar Funfarme [+] Funfarme promove treinamento para voluntários que atuam em ambiente hospitalar [+] Deputado Federal Capitão Derrite visita Funfarme para estudar novas parcerias [+] Funfarme recebe R$ 461 mil reais de destinação solidária do imposto de renda de empresas e... [+] Equipe da Cirurgia Pediátrica do HCM participa do Congresso Paulista e Jornada Brasileira de... [+] Em primeiro simpósio, HCM debate os benefícios do parto normal para mãe e bebê [+] Pacientes e acompanhantes da Funfarme contam com nova Casa de Acolhimento [+] II Simpósio de Neonatologia do HCM traz novidades que ajudam a diminuir o tempo de internação de... [+] Comunidade de Palmeira D’Oeste doa 1 tonelada de frutas ao Hospital da Criança e Maternidade e... [+] Funfarme presenteia colaboradores que mais venderam ingressos para Quarta Solidária do Rodeio... [+] HCM veste bebês prematuros de super-heróis no Dia dos Pais [+] II Simpósio de Aleitamento Materno fecha semana de atividades com o tema no HCM [+] Governador do Estado de São Paulo visita Funfarme para anunciar recursos e aquisição de... [+]